in , ,

De astro de Pantanal à estrela do Castelo Rá-Tim-Bum: A perda irreparável de 2 famosos por HIV e luto na TV

Estrelas da TV tiveram fim trágico e que poucos podem imaginar

Apesar do tratamento para a AIDS ter avançado muito nos últimos anos, no passado, a luta contra a doença levou alguns famosos amados e gerou muita tristeza no Brasil, como foi o caso de um astro da primeira versão do Pantanal e uma estrela do Castelo Rá-Tim-Bum, da Cultura.

A começar pelo primeiro, o novo remake de Pantanal da Globo causou sensação nas redes sociais e alcançando altos índices de audiência no último ano. Muitas pessoas puderam relembrar a versão original, exibida pela extinta Rede Manchete em 1990.

A obra de Benedito Ruy Barbosa, agora considerada um clássico da teledramaturgia, contava com um elenco composto por renomados artistas dos palcos, cinema e televisão no Brasil. Lamentavelmente, alguns desses talentos já nos deixaram, incluindo uma perda para o HIV.

JOÃO ALBERTO PINHEIRO

O intérprete do mordomo, leal companheiro de Mariana, faleceu devido a complicações relacionadas ao câncer no fígado, meningite e pneumonia, todas decorrentes da AIDS. Sua despedida ocorreu em 9 de janeiro de 1992, pouco tempo após o êxito da novela.

Zaqueu na primeira versão de Pantanal (Foto: Reprodução / TV Manchete)
Zaqueu na primeira versão de Pantanal (Foto: Reprodução / TV Manchete)

JOFRE SOARES

Jofre, que enfrentou batalhas contra o câncer de intestino e a leucemia, faleceu em 19 de agosto de 1996, aos 77 anos, em São Paulo (SP). Além de desempenhar o papel do padre no marcante casamento da trama, ele deixou sua marca em várias produções, incluindo as minisséries “Lampião e Maria Bonita” e “Riacho Doce”.

MAURÍCIO DO VALLE

O ator fez uma participação como um dos caseiros de uma das fazendas de Zé Leôncio (Cláudio Marzo) e faleceu em 7 de outubro de 1994, aos 66 anos, vítima de complicações relacionadas à diabetes.

Maurício do Valle em Roque Santeiro - Foto: Reprodução
Maurício do Valle (Foto: Reprodução/TV Globo)

CASTELO RÁ-TIM-BUM

Conforme dito anteriormente, a AIDS também devastou o elenco do Castelo Rá-Tim-Bum. Para quem não sabe, Wagner Bello, o eterno “Etevaldo”, morreu no dia 12 de agosto de 1994, aos 29 anos, vítimas de complicações do HIV.

Siomara Schoröder, atriz e amiga do artista, foi escalada para viver a personagem “Etecetera”, irmã do Etevaldo.

Wagner Bello, do Castelo Rá-Tim-Bum. Foto: Reprodução/Internet
Wagner Bello, do Castelo Rá-Tim-Bum. Foto: Reprodução/Internet

QUEM É O ATOR DE PANTANAL QUE FEZ GRAVE DENÚNCIA?

Jesuíta Barbosa, o Joventino, de Pantanal, da Globo, fez uma postagem polêmica no Instagram.

Para quem não viu, o ator, de 32 anos, teria acusado o namorado, Cícero Ibeiro, de agressão. Após a repercussão, ele apagou a publicação.

+ “Autorizou”: O anúncio URGENTE de Ana Paula Araújo sobre MUDANÇA da ANVISA que atinge em cheio farmácias 

“Me usou, me gravou inutilidades, me deixou exposto, me abandonou. Não estou bem e fui agredido pelo meu parceiro”, escreveu Jesuíta nos stories. Para saber mais, leia a matéria completa aqui! 

The post De astro de Pantanal à estrela do Castelo Rá-Tim-Bum: A perda irreparável de 2 famosos por HIV e luto na TV appeared first on TV Foco.

Falência, em ruínas e apresentador em fúria publicamente: O fim escandaloso de emissora de TV em 2023

Alerta geral: INSS emite COMUNICADO IMPORTANTE e proíbe que você tome 5 atitudes agora mesmo